quarta-feira, 10 de janeiro de 2018

A minha pior compra



Olá grandes sonhadores/as!
Eis uma fotografia minha sem óculos para começar bem este post!
Neste post, venho mostrar-vos uma compra que não correu muito bem, eu fiz esta compra acerca de dois meses pela loja Romwe acho que não é um nome estranho aqui no nosso meio pois existem muitas reviews sobre esta loja online.
No dia em que estas blusas chegaram a minha casa soube logo que esta loja não era para mim porque encomendei um XL e esta blusa parece M e não é como está aqui nas fotografias.

Parece um cachecol com mangas e tenho de dar algumas voltas para ficar como deveria parece que vesti uma camisa de forças, mas mesmo assim decidi fotografar a blusa para vocês, estou super sorridente, mas muito desconfortável.
Por vezes, detesto sentir que tenho de emagrecer para as coisas caberem em mim ou se é ao contrário que as lojas tem de pensar cada vez mais em mulheres como eu, mulheres que emagrecem e engordam como o vento e que gostavam apenas de usar uma peça de roupa que sirva e fique bem.
Para meu grande azar comprei logo duas, uma vermelha e uma preta!
Acho que só vai servir para fotografar mesmo!



As botas que estou a usar são da H&M custaram-me 39,99€.





Espero que tenham gostado e tenha conseguido ser o mais sincera possível.
Beijinhos!

quarta-feira, 3 de janeiro de 2018

O que somos?



Estou sentada em frente ao meu computador com a nossa conversa aberta no chat do Messenger e eu estou a pensar seriamente se devo continuar a falar contigo, se devo continuar a escrever para alguém que aparentemente não dá importância á minha existência.
Eu pensei que fossêmos amigos ou ficantes não sei, parece que andei estes meses todos a contaminar a minha mente com pensamentos, vontades e planos para poder estar contigo.
Tenho até vergonha das coisas que já te disse, chego a pensar que estou completamente destruída emocionalmente por ter caído na tentação de pensar que estarias sempre aqui para mim.
Tenho andado com a mente esgotada por ter usado em coisas que não iam dar a lado nenhum, perdi horas a escrever para ti só para sentir-me protegida pelo teu carinho e pelo teu abraço.
Continuo sentada tocando nas teclas do meu teclado como se tocasse um piano, e vejo aquelas reticências do chat subindo e descendo sem saber se realmente eu valho a pena na tua vida.
Será que eu tenho o mesmo valor para ti?
Não deve passar-te pela mente quantas vezes deitei-me na minha cama passando as mãos pelo corpo para poder satisfazer, mas tudo o que eu mais queria era ter-te aqui e poder clarear melhor a tela mais bonita que eu tinha pintada com a tua imagem.
Fico meio pasmada como permiti a tua ousadia para falares sobre os meus lábios como os mais bonitos que algum dia já viste, como te perdeste no meu olhar e como transmitiste que não havia mais nenhuma mulher na tua vida a não ser eu, permiti que os meus abraços se envolvessem no teu dia-a-dia como mais uma camada da tua pele.
Sinto-me usada, perdida sem perceber do porquê de não voltares para mim porque tudo o que tive foi paciência, mas sinto-me humilhada completamente destroçada.
Eu precisava de ti, precisava de passar a mão no teu cabelo o dia inteiro, precisava de imaginar-te nu sem dó na minha cama e inspirar-me em ti para ser feliz.
Estou demasiado estúpida e carente para não conseguir perceber que fui só mais uma peça no teu tabuleiro de damas cheio de mulheres fortes e bonitas que sabes tão bem escolher as melhores jogadas para arrassares com os seus sentimentos.
Eu não deveria ter sentimentos deveria ser como o gelo que queima o meu coração e dá-me cada vez mais a certeza que com a tua ausência deixei de ver as manhãs cheias de sol e um céu azul que cantava para mim.
Continuo aqui sentada vendo a tua fotografia dizendo para mim que talvez nunca serei capaz de dizer-te que não posso fazer mais o que estou a fazer comigo.
Estive horas, dias e meses sentada numa cadeira pouco confortável a falar com um estranho que fazia com que eu quisesse estar com ele, que eu abandonasse os nervos dos meus músculos e corresse atrás de dele nas tardes de verão para ver-me de vestido assim como as minhas veias só poderiam estar vivas com o seu ar.
Perturbada com a minha inocência hoje não irei escrever-te, irei deixar-te a minha espera...

segunda-feira, 1 de janeiro de 2018

Red Shirt, Red Lips


Olá grandes sonhadores/as!
Vim partilhar com vocês uma compra que eu fiz na H&M Online muito bem sucedida.
Desde que comecei a trabalhar tenho andado tão cansada que não tenho tido paciência para ficar fechada horas em centros comerciais a fazer compras, por isso prefiro fazer online e é bastante viciante.
Comprei esta a blusa a quase dois meses mas ainda encontram na loja com certeza ou mesmo nos saldos que estão por aí vir.
O vermelho sempre foi a minha cor acho que destaca-se no meu tom de pele e também gostei do facto da blusa ter os ombros descobertos que deixa o outfit mais sensual.
Não consigo dizer-vos a marca da boina que estou a usar porque foi oferecida a alguns anos pela minha mãe, e ela normalmente comprava estes acessórios em boutiques e a própria boina não vem com uma marca.
Os brincos que estou a usar são da Modalfa e estou mesmo completamente apaixonada por eles.
As calças pretas são da H&M eu visto o 46 de calças e o modelo delas é High Waisted.


Espero que tenham gostado!

sexta-feira, 29 de dezembro de 2017

Não tenho um coração feito de pedra

(Imagem retirada do Tumblr)
Hoje preciso falar-te do meu corpo e do teu corpo juntos.
Imagino um corpo nu sendo tocado por uma pena que por cada respiração levita junto de cada orgasmo ecoado das nossas bocas.
Sinto a tua falta, já algum tempo que não sinto o poder das tuas palavras e isso deixa-me sozinha esperando por mais um momento de tesão contigo.
Preocupo-me tanto em alimentar a tua boca com o meu beijo, preciso de beijar-te agora e beijar-te muito mais.
Tu não tens noção do quanto desejo sentir a tua barba picar os meus lábios, sentir a tua saliva doce, sedosa e cheia de amargura, dor e sofrimento de um amor perdido.
Eu preciso e queria curar todo esse sentimento macabro que consome a tua alma.
Tu sabes que a minha porta está sempre aberta, deixo sempre a chave naquela mesa de cabeceira para trancares a porta e mostrares o quanto és louco nos meus braços.
Sinto uma solidão tremenda de não poder apaixonar pelo teu olhar e de não olhares para mim num momento completamente normal com aquele olhar de que eras capaz de devorar até a minha alma.
Queria abraçar-te, eu precisava disso!
Precisava de largar os meus braços do teu peito e descer as tuas calças deixar-te maluco e poder apreciar cada pedaço teu com os meus lábios inferiores, os mais carnudos que estiveram tão junto de ti.
No meio de toda exitação lembrei-me que quero que tomes conta de mim e me ames nem que seja só para amar o meu corpo e esquecermos que não tenho um coração feito de pedra.
Quero que ames todas as minhas cicatrizes, revejas todas as minhas estrias como histórias inacabadas, que ames profundamente a minha pele e acaracies e puxes o meu cabelo com vontade de consumirmos todos os orgasmos um do outro.
Arranha o meu corpo sem dó e deixa-me marcada com esta noite louca que resume-se ao que mais queria na vida.
Preciso de voar até a lua de novo, testar todos os meus limites contigo e esquecer-me de respirar pela primeira na vida.
Acho que sempre procurei alguém como tu para que possa dormir e acordar de noite e pedir-te para fazeres amor comigo de novo.
Eu sinto a tua falta e preciso que voltes rápido para mim, temos tantas noites inacabadas para recomeçar, promessas por cumprir e uma cama para partilharmos.
Nós merecemos esta vida é agora ou nunca.


quarta-feira, 27 de dezembro de 2017

Como fazer um dia de chuva um dia melhor?



Olá grandes sonhadores/as!
Hoje eu trago-vos um post completamente diferente cheio de fotografia e muita diversão, eu já queria ter postado a mais tempo, mas eu tenho andado com preguiça, sempre adiar e sinto que as minhas mini férias estão a passar, e este é o tempo ideal para colocar o meu blog em dia.
No dia em que tirei estas fotografias estava a chover e eu pensei em fazer algo diferente como fotografar com uma roupa diferente e á vontade, com o meu batom favorito, uma bebida quentinha para aquecer o meu corpo, um bom livro e ainda tirar tempo para escutar o CD da Sara Tavares.
Acho que mais ninguém compra cd's, mas eu tinha saudades dessa sensação de colocar no leitor de cd e arrumar a casa ao som de uma boa música.
Não querendo estender do objetivo que era este post deixarei as fotografias tiradas nesse dia.


O CD da Sara Tavares chama-se "Fixtadu" e vem com aquela música que eu tinha mostrado aqui no blog chamada Coisas Bonitas.




No ínicio, estava mesmo muito desconfortável com as fotografias, mas aos poucos e poucos fui brincando com a camêra, depois de ter estado a editar fiquei ainda com mais vontade de postar.





O livro é João Negreiros chama-se O manual da Felicidade aqui tenho um post sobre este livro.





Espero que tenham gostado!