domingo, 22 de março de 2015

A minha Dona




É sempre 7h00 da manhã quando a veijo espreguiçar, agarrar o Tablet assim que percebo que ela não está a dormir mais vou ter ao encontro dela porque só eu mereço atenção dela primeiro,  e lá vou eu com o meu andar cruzado como se fosse uma modelo.
Como todos os dias faço é olhar para ela bem perto, colocar os meus bigodes no nariz dela e passar meu nariz molhado na boca dela esperando um beijo de bom dia.
Entretanto, vou aborrecer-lhe mais um pouco para ver se ela saí da cama para servir o meu delicioso banquete ou então mudar a minha areia enquanto eu observo porque quero saber se está a fazer um bom trabalho.
Vou contar as coisas que deixa-me desolada é quando ela entra no banho e fecha aquela porta tão grande deixando-me arrasada a miar por toda casa, nunca irei entender o porquê de ela fazer isso comigo.
O que deixa-me aterrorizada e de olhos completamente vidrados diz respeito ao facto de ela utilizar aquele aparelho que nem eu sei o nome daquilo, mas ela diz que é para secar o cabelo e não fazer-me mal, mas eu prefiro manter a distância.
Detesto quando ela tem de ir trabalhar ou ir para a escola, a tristeza que invade é de um tamanho que para cura-la durmo o dia inteiro, ao menos esqueço a dor que ela deixa-me.
Eu adoro quando ela chega a casa e eu fico preparada na porta a espera dela porque todos os dias ela agarra-me como se fosse um bebé, enche-me de beijos e diz que sou a bola de pêlo mais bonita que ela tem ou a rainha, com toda razão sou um ser mimado.
Entre as nossas brincadeiras, ela gosta de especificamente de limpar o chão só para ver escorregar não entendo a graça que tem tal coisa até parece que faz depropósito.
Bom até que gosto muito dela, mas gosto isolar-me em sítios muitos específicos, gosto de apanhar sol na cama do irmão dela porque bate sol directamente na cama sendo assim sinto-me num spa, gosto de dormir em dispensas, em cima do cesto da roupa suja, em cima do armário da sala e na cama dela só para parecer mais fofo, mas dá-me prazer mesmo de dormir em cima das pessoas.
Depois de contar tantas coisas interessantes da minha vida só sei dizer que sou mimada por muita gente.


nono


Sem comentários:

Enviar um comentário