quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Amor não correspondido

Primeiro, é fodido!
Já passei por isso e praticamente é entregares de uma forma a uma pessoa, passarem horas ao telemóvel e dizerem aquela típica frase: "gosto muito de ti best", quando na realidade é "eu amo-te e não sei se vou continuar a esconder isto."
A pessoa é capaz de ter comportamentos tão estranhos que faz com que tu acredites que talvez sente algo por ti e que tenham muitas coisas em comum. 
Tu gastas tempo a valorizar uma pessoa quando talvez podias ter gasto em algo ou alguém com futuro.
Entretanto, tu levas uma tampa assim que decides dizer que gostas dele ou dela e o mais difícil é saberes lidar bem com isso. 
Um amor não correspondido é provavelmente aquele que depois de muito tempo não vais dar importância, mas que no caso das raparigas começamos a pensar no "Porquê que ele não quis nada comigo" e as conclusões são talvez não sou atraente, talvez não tenho um corpo bonito, talvez.....
Ás vezes, o problema não somos nós porque cada um tem a sua personalidade e maneira de lidar com certas situações muito diferentes e sempre aparecerá alguém que irá corresponder com o nosso "eu".
Segundo e último, hoje vais te rir como caraças da figura de parva que fizeste quando andavas sempre a pensar nele e atrás dele.

Sem comentários:

Enviar um comentário