sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Uma dívida

Promessas podem ser cobradas como uma dúvida.
É como um plano que não conseguimos cumprir, visto que não temos o poder de escrever as leis da nossa vida duma só vez.
Gostaria ou queria ou poderia ter prometido menos vezes, é como se estivesse a mentir a mim mesma ou a viver uma vida que não me pertence.
Se pudesse prometer a Deus ou a quem seije que abençoa todos os dias talvez prometeria manter autodóminio, amar mais o próximo,prometia coisas que sabia que nunca iria conseguir cumprir com tanto controlo.
Tinha o prazer de brincar de Deus ou político e querer saber como se sentem depois de tantas promessas o seu povo ainda se acharem os perfeitos se são os primeiros imperfeitos.

Sem comentários:

Enviar um comentário