terça-feira, 25 de novembro de 2014

Um mestre

A ideia que eu sempre tive de um professor é alguém que devemos respeitar, que nos vai ensinar algo de acordo com sua área e por vezes dar liberdade ou castigos.
Hoje eu acredito que um professor pode ser um mestre da nossa vida e não só alguém que vai despejar matéria e praticamente dizer : "desemerdem-se".
Muitos professores que passaram pela minha vida choraram comigo, fizeram sentir que eu era alguém e precisava de estar cá por algum motivo.
 Professores que deixaram de ser professores, mas também meus pais, meus amigos, meus irmãos e sobretudo mestres da vida.
Eu não sei se é por eu ler Augusto cury também, mas eu tenho professores que quando falam ou nos querem educar a não ser com matéria, meu mundo pará e vem lágrimas aos olhos.
As histórias de vida que eles tiveram para batalhar para serem quem são hoje ou mesmo dizer que nós não estamos bem, que aquela atitude não é a mais acertada, que se continuarmos a fazer certas coisas, o mais difícil vai ser nos tirar do poço, eles vão puxar por nós, mas nós como alunos temos de demontrar que queremos subir até ao topo.
Para eles uma satifação!
Por mais planos que eu faça comigo própria, falho sempre ou tenho preguiça!
Entretanto, meus professores o dizem que quando eu quiser algo já vai ser tarde demais, aí não há volta.
Ou mudamos agora ou nunca!


Sem comentários:

Enviar um comentário