sábado, 1 de outubro de 2016

Desordem de emoções


Vamos fugir para longe de todas estas emoções, vamos largar tudo e amar com intensidade mais ainda do que necessário.
Quero quebrar tantas regras contigo e correr riscos contigo mesmo sabendo de que contigo eu estou completamente segura.
Se desafiarmos o que sentimos um pelo o outro existirá alternativa de quebrarmos tabus e ele virar infinito.
Vamos deixar todas as roupas que temos e amar-nos nus como viemos ao mundo assim sentimos no direito de acarinhar a tua pele e fazer questão de decorar todos os sinais que percorrem a tua pele.
Quero afogar-me aqui neste preciso momento com o amor, vamos fazer amor e cobrir toda a mágoa que provocamos um no outro.
Deixa-me beijar a tua pele a sarar todas as feridas abertas que deixei durante este tempo todo.
Nunca mais me deixes deitada na cama por horas a fio, eu vou ficar doente, vem ficar comigo, mas não fiques doente comigo, cura-me com o teu carinho, as tuas poesias e prosas que arrepiam a minha alma.
Alma que socorreste de desaparecer numa fantasia sem princípio e fim.
Eu olho para ti e tenho o desejo a puxar-me para um caminho feliz e um caminho cheio de danças.
Porque quando fazemos amor não apenas algo sexual, mas sim uma dança que só nós os dois podemos concretizar.
Não importa mais nada porque eu fugi contigo para poder ser amada dum jeito certo.


2 comentários:

  1. Eu já senti isso por alguém, pena que acabou, porque só eu sentia.
    Beijos
    Mundo de Nati

    ResponderEliminar