segunda-feira, 3 de outubro de 2016

10 minutos antes de eu partir


-Bom chegou a minha hora de ir, disse ela
- Fica só mais 10 minutos, please? - perguntou ele.
Aí começa o nervosismo de que vou ter de deixá-lo ou ficar com ele e perder um autocarro e provalvelmente ir no último.
Parece que voltar para casa parece a despedida mais dolorosa de todas fico com um nó na barriga e ao mesmo tempo sinto um sono ligeiro apoderar-se de mim só para poder dormir contigo.
Antes de sair de casa começo já a preparar o telemóvel para ligar-te, mas que saudade idiota e tão boa ao mesmo tempo.
Antes de dar-te um beijo de despedida tenho vontade fazer todas as dedicatórias de amor como se não fosse ver-te amanhã.
E sem estar contente escolho uma das tuas t-shirts favouritas com o teu o cheiro para poder cheirá-la durante a noite inteira.
As noites eram passadas em chamadas infinitas ou insônias descontroláveis porque estava sempre, mas sempre ansiosas por ver-te no dia seguinte.
Mas o que realmente aconteceu é que adormeci nesses dez minutos antes de ir para casa, vesti uma T-shirt tua e apenas fiquei ali pertinho de ti.
Que saudade boa!

Sem comentários:

Enviar um comentário