segunda-feira, 8 de agosto de 2016

Bora amar um ao outro


Pensavas que seria assim tão fácil amar-me com todos meus defeitos e humores indefinidos.
Eu também não fui avisada de como eras tão teimoso e curioso, sempre cheio de perguntas.
O tempo tem feito acreditar que és o homem certo, um homem que consegue levar ao trigésimo nervo, mas que consegue sufocar com tantas gargalhadas.
Já choramos tanto juntos, já tivemos tantos pesadelos acordados podendo perdoar um ao outro.
Já foram os dias que parecia que nos odiávamos um ao outro, mas era só a ignorância e o egoísmo a fechar-nos os olhos para a realidade, para o que nos mantêm juntos.
Ninguém pode entrar dentro desta relação e ditar as nossas diferenças de personalidade, as nossas diferenças de cor, as diferenças físicas e psicológicas porque estamos tão cegos de amor que apenas vemos amor nos olhos um do outro e mais nada importa.
Estamos acostumados a fazer tudo um pelo o outro, e apesar de termos passado por tanta mágoa não deixamos de fazer o bem.
Preciso desse teu jeito de fazer feliz e espontânea em relação aos sonhos que temos por realizar.
Preciso dos teus discursos de encorajamento que fazem rever o que eu ando por aqui a fazer.
Sendo assim, eu quero amar-te, abraça-me, deita-te comigo e ama-me de volta.



6 comentários:

  1. Ola Linda, tudo Bem? Adorei o post:) Obrigada
    Novo Youtube https://www.youtube.com/channel/UCC6EIFV2oRj7UpCR_Tz2aDw
    Novo Post:https://openklosetfashion.blogspot.pt/2016/08/l-eclairtraditional-taste-of-french.html#more

    ResponderEliminar
  2. Que texto magnífico... Adorei :)
    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada xana. Que bom e um abraço para ti também :)

      Eliminar