segunda-feira, 2 de maio de 2016

Eu precisava de mim


Eu precisava de mim do que existia em mim, precisava que certa parte de mim continuasse a insistir comigo própria.
Sei também que por mim já era inteira, mas não sei onde encontrar a outra metade de mim.
Se soubesse que precisaria de mim para realizar tudo do que amo a minha vida talvez não teria castigado tanto, não teria sido brutalmete desleixada para comigo mesma.
Eu entendo quando dizem:" Se eu não gostar, quem gostará?
Se realmente eu precisasse de mim não teria deixado o amor próprio desfalecer.
Do que vale ter ideias e não podermos juntá-los ao amor prórpio, o que é que eu vou defender afinal?
Por vezes sinto que tudo vai sumir e fazer com que as coisas sejam ainda mais difíceis.
Sinto que o meu corpo está tão gelado que não pode ser tocado por mais inguém, ele apenas precisa de mim.
E tudo que existia em mim libertou-se para a inexistêcia ou mesmo o nada.
Se eu perdi o que havia em mim, nem preciso de dizer que tu partiste comigo.
Eu era uma rosa bonita e agora já não sou nada, estou murcha e velha.

nono

2 comentários:

  1. Ola Noemi!!!
    Gostei do teu blog.... tb adoro lamechice ahahah
    O tempo se encarrega de nos levar onde é suposto e com certeza encontraras a tua metade perdida... ;)

    Keep dreamin`tudo de bom!!

    XOXO

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agradeço muito pelo teu comentário, é bom ser lamechas de vez em quando, mas eu sou o excesso.
      :)
      Beijinhos!

      Eliminar