quinta-feira, 28 de abril de 2016

Entendi.Bloquiei.Desliguei


Tenho pensado em escapar do que tem de ser, tenho abraçado a pouca força dentro de mim para poder continuar.
Tudo o que fiz por mero desânimo foi porque não conseguia encontrar aqui.
Dentro da minha mente já caminhava distâncias e distâncias á procura de perdoar-me, mas não consegui.
Pensei que podia passar horas, dias,meses, anos fechada no escuro com os meus pensamentos.
Sinto que estou a escapar da realidade para ouvir a música dos anjos de paz e harmonia que sumiu do meu corpo.
Eu sei como este quarto irá ficar vazio da minha música.
Sei que as paredes irão esquecer as minhas gargalhadas.
Também sei que as roupas deixarão de ter o meu perfume e o cheiro da minha pele.
O sol não irá mais aquecer os cobertores da minha cama.
E a minha tristeza e falta de coragem deixará de molhar as minhas almofadas.
O vento que faz corrente de ar terá pouca coragem de enfrentar.
Desejo que as fotografias sejam lembradas e que a minha memória seja a melhor delas todas.
E dessa forma entendi como as coisas são. Os meus músculos bloquearam. Fechei os olhos e desliguei-me.
Obrigada!
nono

3 comentários:

  1. Nossa, que texto lindo.. <3 Você escreve muito bem moça, meu Deus!

    Beijos, www.valentinices.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. *www.valentinices.blogspot.com.br*

      Eliminar
    2. Obrigada Valentina, vou conhecer o teu blog :)

      Eliminar