domingo, 1 de novembro de 2015

Pensei que era uma num milhão


Entre muitas despedidas abriu-se uma porta para mim.
Por trás dela eu via uma luz, não sei quantas vezes irei vê-la, era simplesmente o sol a iluminar o meu cabelo.
Nesse dia, chovia torrencialmente, coloquei a minha gabardina e as minhas Dr. Marteens favoritas, amarrei o meu cabelo com o meu elástico amarelo.
Via o meu reflexo nas poças do alcatrão e sem perceber trocava os meus pés a ia contra as pessoas, eu sei que deveria pedir desculpa, mas não tinha coragem pensei que as pessoas não quisessem olhar para mim eu tivessem nojo da que tinham ouvido falar sobre mim.
Não consigo entender porque raio dou importância ao que as pessoas dizem, só tenho vindo cada vez mais a destruir a minha auto-estima, o meu amor próprio, a minha vontade de viver.
Por vezes quando faço este caminho, faço de cabeça baixa por vergonha, vergonha de achar que não sou decente entre todas as minhas qualidades.
Nas manhãs antes de sair de casa, encosto a minha face na almofada e choro por vergonha de sair à rua, então encosto as minhas mantas e choro, grito como se fosse uma vingança sem Karma.
Antes pensava que entre todas as mulheres era uma num milhão, mas quando a minha cabeça anda cabisbaixa penso que sou um zero cheia de questões, perguntas, acontecimentos improváveis que fazem muitas das vezes não saber sorrir e sorrir meramente quando estou feliz porque noutras vezes estarei a chorar esperando que a vida reserve mais momentos de alegria.
Sinto que a vida tem dado muitas lições e depois de sair de casa com minha gabardina e entrar no meu mundo com as minhas músicas, ainda fico na esperança que sou alguém que sou alguém melhor que eu própria e isso dá-me a coragem de viver.
Que não irei rastejar pedindo que gostam de mim porque ainda sei que as pessoas que estão aqui estão porque querem e que nenhuma delas foi obrigada porque entre nós existe amor e amizade.







nono

2 comentários:

  1. É a primeira vez que visito o teu blog e gostei muito deste texto que escreveste. As várias mensagens que transmite são muito importantes. Bjinhs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada fico muito feliz por teres gostado do meu e espero também continuar a escrever assim umas boas mensagens. Beijinhos!

      Eliminar