segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Amor próprio



Olho no espelho e digo isso muitas vezes para mim própria, eu sei que estou tentando o que consigo tentar.
Eu sei quando amo e não amo.
Sei todo o amor o próprio que perdi por mim mesma e que deixei de dizer que sou bonita, forte, fabulosa, linda e lutadora.
São muitas coisas que tem deixado embaixo e uma delas sou eu própria é como o meu corpo chegou a um ponto em que não aguentava mais e decidiu brincar comigo.
Deixei de acreditar nos outros porque queria acreditar mais em mim, queria acreditar mais no que sou capaz, no que sou capaz de melhorar, mudar e ainda assim gritar que amo, adoro, quero e eu estou aqui.
Parece confuso o que escrevo hoje, mas minha mente está confusa porque preciso de desmontá-la e consertá-la.
Preciso de enxugar as lágrimas e dizer o quanto quero estar aqui feliz, quero que deixem um lugar para mim, um lugar que eu conquistei e eu mereço porque sou eu.
A Noemi.

nono

4 comentários:

  1. Respostas
    1. Infelizmente é uma forma de nos sentirmos muito estranha.

      Eliminar
  2. Apenas acredita em ti e já é meio caminho andado!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu ás vezes dou muito pelos outros e deixo de acreditar nos meus ideais e naquilo que eu sou.

      Eliminar